7

[Série] Destino - Ally Condie

terça-feira, 28 de junho de 2011

Boa tarde!


Venho trazer uma resenha hoje de um livro que foi lançado aqui no Brasil recentemente pela editora Suma de Letras, e na minha opinião, é uma leitura super parecida com a da série "Feios", do autor Scott Westerfeld. Vocês já devem ter se deparado na internet com a capa de Destino (que, aliás, é linda), ou com a sinopse do mesmo, certo? Para falar a verdade, divulgações é que não faltam para o livro.

Não sei se vocês notaram isso, mas passei esse livro na frente de vários outros que estavam na minha "pequena" fila de leitura xD Desde que fiquei sabendo que a Suma de Letras iria lançar essa obra aqui já comecei a juntar uma graninha extra para comprá-la no lançamento mesmo (o que é bem incomum para mim, pois eu sempre espero o preço do livro abaixar antes de adquiri-lo). 

No início da leitura, tive uma grande surpresa. Como eu já mencionei antes, esse livro me lembrou muito, muito mesmo da série "Feios", que já foi citada milhares de vezes nesse blog. Porque? Simplesmente pelo fato de que ambas as tramas se passam em uma sociedade futurista, distante da nossa realidade. Mas não estou dizendo que Destino é um livro clichê. Aliás, não é nem um pouco. A protagonista, Cássia, é um tanto diferente de todas as personagens femininas que eu já conheci. Ela nos mostra uma personalidade forte e única, a julgar pelo pretexto de sua vida, que é controlada pela Sociedade. Afinal, o que é a "Sociedade"? Podemos simplificar e dizer que é o governo que controla sua vida: é ela quem escolhe no futuro onde você mora, o que você come, onde você trabalha, com quem você se casa, e até mesmo quando você morre. Sim, é um sistema quase utópico para nós, mas mesmo sendo totalmente fora de nossa atual realidade, a autora conseguiu desenvolver super bem esse sistema em seu romance.

Além do lado romântico do livro, o leitor é frequentemente surpreendido pelos pensamentos filosóficos da protagonista, que passa a questionar os princípios da sociedade, se desprendendo aos poucos de suas rígidas regras e conquistando sua autonomia no campo da ideologia. Ela passa então a dar mais atenção às suas próprias escolhas e aos seus desejos, em parte deixando de lado as manipulações da sociedade ao infringir importantes regras. Eu achei incrível acompanhar esse desenvolvimento, pois acabei aprendendo também muitas coisas em relação à liberdade de expressão. Mas, no final, essa atitude tem um preço. Nem tudo sai como esperado para Cássia, que passa a ser constantemente vigiada e chantageada pela sociedade.

Essa leitura foi suuper rápida, para vocês terem só uma ideia, demorei apenas um dia para ler o livro! Fiquei o dia inteiro por conta dele, larguei só pra ir ao banheiro e para comer. O que mais me prendeu foi o romance proibido entre a Cássia e o fofo do Ky... gostei muito de como a Ally conseguiu desenvolver os sentimentos dos dois de uma forma leve e gostosa, mesmo com a complicadíssima situação que os cercava. Esse é o tipo de livro que eu leria de novo, caso dispusesse de um tempinho livre.

Cassia tem absoluta confiança nas escolhas da Sociedade. Ter o destino definido pelo sistema é um preço pequeno a se pagar por uma vida tranquila e saudável, um emprego seguro e a certeza da escolha do companheiro perfeito para se formar uma família. Ela acaba de completar 17 anos e seu grande dia chegou: o Banquete do Par, o jantar oficial no qual será anunciado o nome de seu companheiro. Quando surge numa tela o rosto de seu amigo mais querido, Xander - bonito, inteligente, atencioso, íntimo dela há tantos anos -, tudo parece bom demais para ser verdade.Quando a tela se apaga, volta a se acender por um instante, revelando um outro rosto, e se apaga de novo, o mundo de certezas absolutas que ela conhecia parece se desfazer debaixo de seus pés. Agora, Cassia vê a Sociedade com novos olhos e é tomada por um inédito desejo de escolher. Escolher entre Xander e o sensível Ky, entre a segurança e o risco, entre a perfeição e a paixão. Entre a ordem estabelecida e a promessa de um novo mundo.

O final desse primeiro livro é um tanto convidativo para ler a continuação da série, que ainda não tem previsão de lançamento aqui no Brasil. Vou deixar aqui embaixo para vocês conferirem o book trailer legendado de "Destino"! Espero que desperte a atenção de alguns :)



Abraços,

Read more...
12

[Notícia] Unesco debate o futuro dos livros na era digital

sábado, 25 de junho de 2011

O segundo Fórum Mundial de Cultura e Indústrias Culturais promovido pela Unesco na cidade de Monza, na Itália, discutiu este ano o tema “O Livro Amanhã, o Futuro da Palavra Escrita”, informa a rádio ONU.

Especialistas encerraram, quarta-feira (8), em Monza, um debate sobre o futuro dos livros em relação a nova mídia digital. O evento, de três dias, fez parte do segundo Fórum Mundial de Cultura e Indústrias Culturais promovido pela Unesco.

Entre os principais temas em foco estiveram questões como os direitos autorais na nova era de livros digitais, os possíveis efeitos desta mudança em termos de divisão entre as camadas sociais e as tendências dos mercados de publicação.

O mercado de livros digitais apresenta uma curva de crescimento constante. De acordo com a Associação Americana de Publicadores, AAP na sigla em inglês, a venda de livros digitais nos Estados Unidos cresceu mais de 202% em fevereiro deste ano em relação ao mesmo período do ano passado.

A presidente da Câmara Brasileira de Livros, Karine Gonçalves Pansa, disse à Rádio ONU, de São Paulo, que no Brasil, o mercado ainda é muito novo e que existe espaço tanto para os livros digitais quanto para os impressos.

“Eu vejo o mercado brasileiro preocupado com esta nova realidade e também interessado em conhecer e se adaptar a este novo consumidor, a este novo modelo de negócios. Tudo ainda é muito novo, todas as discussões ainda estão sendo formadas, não existe um modelo padrão de contrato, de negociação”, disse.

Em relação ao futuro das bibliotecas e livrarias, ela acredita que estas terão que se adaptar aos novos consumidores. Em 2009, a venda de livros impressos pela internet representou apenas 2,25% das vendas totais no mercado brasileiro.

“Nós temos que estar onde o consumidor quer que o produto esteja. Você tendo um livro digital, as livrarias terão que apresentar o mesmo dentro de um site de venda. Mas no Brasil, ainda existem livrarias sendo abertas. Na nossa opinião, este é um mercado que vai viver harmoniosamente durante um tempo”, afirma ela.

Para a Câmara Brasileira de Livros, o Brasil ainda tem realidades muito diferentes de região para região em relação a tendência de consumo de livros. O mercado está mais evoluído nos grandes centros urbanos, mas nas áreas rurais, a realidade ainda é muito distante da era digital, incluindo o acesso à tecnologia nas escolas.


Read more...
10

[Série] A Pirâmide Vermelha - Rick Riordan

quinta-feira, 23 de junho de 2011

Oii (:


Aposto que está todo mundo feliz hoje por causa do feriado! Pra mim pelo menos é uma bênção, porque na semana passada a única coisa que eu fiz foi estudar e estudar. Não aguento mais ouvir falar em escola. E o pior de tudo é que eu mal tive tempo para ler!
A resenha de hoje é sobre o primeiro livro da série "As Crônicas dos Kane", do autor Rick Riordan (sim, o mesmo autor da série Percy Jackson & os Olimpianos).


Demorei mais tempo do que eu deveria para ler esse livro (uma semana e meia), em parte por culpa da escola e em parte por culpa do próprio livro. Acho que o motivo principal foi a minha total falta de tempo devido às provas.


Não sei dizer direito o que eu esperava da história. Já li a série do Percy Jackson inteira e sou completamente apaixonada por ela. Quando ouvi que iam lançar essa outra série do Rick aqui no Brasil, eu surtei de entusiasmo. Como eu não estava podendo gastar muito dinheiro na época, eu meio que fiz a minha irmã me dar de aniversário (na verdade eu fiz uma lista com os meus livros desejados, mas foi ela quem escolheu quais iria comprar). 
Esse livro dá início a uma aventura nos tempos atuais que envolve a mitologia egípcia. Os deuses são apresentados como personagens "modernos", assim como as criaturas mágicas. A narrativa é intercalada pelos irmãos protagonistas Sadie e Carter Kane. Embora eles possuam algumas características super distintas (Carter é mais reservado e sério, enquanto Sadie é mais sarcástica e irônica), muitas vezes durante a leitura eu confundia quem estava contando a história. Não sei se esse é um fato relevante para vocês, porque eu pessoalmente sou meio lenta, mas pode ser que outras pessoas não tenham este mesmo problema.


Achei que a história caminhou de forma lenta. Tiveram muitas enrolações, fatos desnecessários que ficaram sobrecarregando a leitura. Alguns capítulos são parados, enquanto outros tem ação até de sobra.  Mas uma coisa que não falta em capítulo nenhum é aquele típico humor sarcástico do Rick Riordan. 
A estrutura da história é bem parecida com a série Percy Jackson, e um bom exemplo para essa afirmação é o final do livro. Assim como aconteceu em "O Ladrão de Raios", o final de "A Pirâmide Vermelha" é totalmente inusitado e muda completamente o rumo da história (naturalmente, pois só assim poderíamos ter uma continuação para a série).
Uma coisa que eu amei no livro foram as ilustrações dos hieróglifos (escrita das antigas civilizações egípcias) que apareciam a medida que iam sendo citados no decorrer do capítulo.


Desde a morte de sua mãe, Carter e Sadie viveram perto de estranhos. Enquanto Sadie viveu com os avós, em Londres, seu irmão viajava pelo mundo com seu pai, o egiptólogo brilhante, Dr. Julius Kane. Uma noite, o Dr. Kane traz os irmãos juntos para uma experiência de “pesquisa” no Museu Britânico, onde ele espera para acertar as coisas para sua família. Ao contrário, ele liberta o deus egípcio Set, que expulsa-lo ao esquecimento e forças das crianças a fugir para salvar suas vidas. Logo, Sadie e Carter descobre que os deuses do Egito estão acordando e, o pior deles – Set – tem a sua visão sobre o Kanes. Para detê-lo, os irmãos embarcam em uma perigosa viagem em todo o mundo – uma busca que traz os cada vez mais perto da verdade sobre sua família e seus vínculos com uma ordem secreta que existiu desde o tempo dos faraós.

Aprendi bastante sobre a mitologia egípcia lendo esse livro, e passei até a me interessar mais pelo assunto. Aliás, o impossível é não se interessar depois de ler um livro tão rico em detalhes como esse.
Esse livro é a escolha certa para os fãs da série de sucesso "Percy Jackson & os Olimpianos", e até mesmo para quem ainda não conhece o talento do autor, mas que gosta de uma boa história de aventura com um toque de humor, mistério e ação.


Abraços,


Read more...
12

Lançamentos de Junho 2011

segunda-feira, 20 de junho de 2011



Título: Descobridores do Infinito 
ISBN: 978-85-64264-37-3
Formato: 15,7 x 23 cm

Autor: Maria Coffey
Editora: Lafonte
Número de páginas: 256
Acabamento: brochura

Sinopse:

No mundo dos esportes de aventura, há um território “proibido” sobre o qual atletas raramente falam: suas experiências paranormais, de quase morte e comunicação psíquica. Neste livro, a premiada autora Maria Coffey revisita a ciência, consulta a história e conduz entrevistas profundas com diversos atletas de aventura. Um trabalho fascinante, que trata magistralmente de fenômenos místicos e paranormais, que nos leva a questionar onde a ciência termina e a espiritualidade começa.


Título: Cupcakes 2 – A arte de fazer cupcakes
Editora: Larousse do Brasil
ISBN: 978-85-7635-865-7
Formato: 22,7 x 22,7 cm
Número de páginas: 144
Acabamento: brochura

Sinopse:

Receitas e decorações explicadas de forma simples ensinam como fazer lindos e deliciosos cupcakes. Aprenda a preparar e a decorar esses delicados bolos que são sucesso garantido em qualquer ocasião.







Título: Lunáticos por Deus
Autor: Michael Largo
Editora: Lafonte
ISBN: 978-85-64264-36-6
Formato: 15,7 x 23 cm
Número de páginas: 416
Acabamento: brochura

Sinopse:
Desde sempre o homem procura respostas sobre os mistérios da vida e do Divino. Em Lunáticos por Deus, Michael Largo analisa as crenças e histórias sobre Deus que temos contado através dos tempos. Relata a vida de místicos célebres, mártires, feiticeiros, participantes de famosas possessões demoníacas, líderes de cultos, fundadores de experimentos utópicos e dos que dedicam suas vidas a esclarecer os segredos do universo. Também mostra quão insanos muitos desses comportamentos se provam.
Título: Exclusivo Autor: Fern Michaels Editora: Larousse do Brasil
ISBN: 978-85-7635-858-9
Formato: 15,7 x 23 cm
Número de páginas: 240
Acabamento: brochura

Sinopse:

Com o objetivo de ficar perto de sua filha, Abby, Toots decide se mudar para Los Angeles. Com a ajuda das suas fiéis amigas – Sophie, Mavis e Ida –, Toots compra uma mansão onde espera receber diversas celebridades. No entanto, o que Toots jamais esperava era encontrar com alguns espíritos de celebridades. Além desse fato incomum, Toots e suas amigas estão preocupadas com o novo romance entre Ida e um prestigiado e ambicioso doutor. Para complicar, com a ajuda das madrinhas, o plano da filha em transformar a revista The Informer poderá comprometer sua própria carreira. A ajuda, contudo, viria de uma fonte que ninguém jamais imaginaria, ou veria.




Título: 50 coisas que você pode fazer para combater a alergia
Autor: Wendy Green
Editora: Larousse do Brasil
ISBN: 978-85-7635-874-9
Formato: 13,5 x 20,5 cm
Número de páginas: 144
Acabamento: brochura

Sinopse:
Sua pele às vezes fica irritada ou inflamada no dorso das mãos e joelhos, atrás das orelhas, na frente dos cotovelos e das mãos? Se sim, cuidado, essas irritações podem ser algum tipo de alergia de pele. Neste livro de fácil compreensão, a autora explica os fatores psicológicos, alimentares e hormonais que podem causar a alergia, e oferece conselhos práticos e uma abordagem geral para ajudá-lo a lidar com os sintomas, com mudanças simples no estilo de vida e na alimentação, e terapias complementares do estilo “faça você mesmo”.

Título: Teias Autor: Maria Tereza Maldonado 
Editora: Lafonte 



ISBN: 978-85-64264-39-7
Formato: 13,5 x 20,5 cm
Número de páginas: 176
Acabamento: brochura

Sinopse:

A autora apresenta fragmentos de diálogos e breves momentos que revelam as sutilezas dos relacionamentos nesse elaborado processo de tecelagem que acontece na vida de todos nós. Neste livro, com a experiência de algumas décadas como psicoterapeuta, Maria
Tereza Maldonado mostra um painel diversificado dos relacionamentos, convidando os leitores para um passeio reflexivo pelas trilhas da vida. 



Título: Miss Brontë – Um romance
Autor: Juliet Gael
Editora: Larousse do Brasil
ISBN: 978-85-7635-859-6
Formato: 15,7 x 23 cm
Número de páginas: 400
Acabamento: brochura

Sinopse:

Charlotte Brontë passa a infância em uma pequena vila em Yorkshire, Inglaterra, criando com os irmãos histórias de um mundo imaginário. Anos mais tarde, usa a mesma inspiração para escrever célebres obras, entre elas a primorosa Jane Eyre. Mas, apesar do crescente sucesso e da aclamação da crítica, Charlotte almeja algo mais. Integrar-se à glamourosa Londres e conhecer celebridades do mundo literário não é suficiente para preencher o vazio que corroia sua alma. Uma história envolvente e reveladora, que mostra o outro lado da família Brontë.


Read more...
11

[Série] Clockwok Angel - Cassandra Clare

sábado, 18 de junho de 2011

Boa Taarde! ~


Vou procurar caprichar MUITO na resenha de hoje, mas acho que mesmo assim não será possível expressar através de palavras o quanto a leitura desse livro significou para mim. <3


É possível que todos vocês já tenham lido ou mesmo ouvido falar da autora Cassandra Clare, que é conhecida principalmente pela série "Os Instrumentos Mortais", que foi lançada inclusive aqui no Brasil pela editora Record.
Eu até tenho o primeiro livro dessa série ("Cidade dos Ossos"), mas como eu já havia comprado o "Clockwork Angel" desde o ano passado, decidi ler ele primeiro, mesmo sabendo que era um prequel para a série Instrumentos Mortais. Ouvi dizer que a ordem da leitura não atrapalharia, por isso não fiquei muito preocupada.


Confesso que comprei esse livro por causa da CAPA. Nunca tinha lido uma resenha dele, só de alguns outros livros da autora. E todas as obras dela recebem ótimas críticas na blogosfera, por isso decidi arriscar :)
Depois que o livro chegou, precisei colocar ele na fila de leitura, e ele ficou cinco longos meses mofando na estante até que eu tivesse tempo para iniciar a leitura (ele não é tão fino). Eu estava meio com medo de achar o nível do inglês meio pesado, porque a época em que se passa a história é em 1878. Nos primeiros capítulos precisei usar frequentemente o dicionário, mas depois fui me acostumando com os termos mais difíceis e a leitura passou para um ritmo mais rápido.


Se o livro não fosse em inglês, acho que eu o leria em três dias no máximo. Não sei nem como explicar como e o quanto a história me prendeu. A autora cria um universo totalmente novo, e desenvolve nele criaturas, cenários, personalidades e diálogos marcantes. Tessa, nossa protagonista, está a procura de seu irmão Nate quando é capturada e submetida a várias experiências traumáticas como prisioneira nas mãos das "Dark Sisters".  Ela passa por uma série de treinamentos dolorosos, os quais ela não compreende no início, até descobrir sua a habilidade especial de se transformar em qualquer pessoa, esteja ela viva ou morta, apenas tocando em algum objeto pertencente a esta. Logo após a descoberta de seu "poder" (o que ela considera uma maldição), Tessa é avisada de que terá que se casar com um homem conhecido como "The Magister". Ela tenta fazer de tudo para fugir do casamento (que irá acontecer no dia seguinte), mas é flagrada em fuga e mantida presa em um quarto. Com suas esperanças já se esgotando, Tessa é surpreendida quando, à sua porta, um garoto chamado Will aparece, alegando estar ali para salvá-la. Tessa é levada para um Instituto localizado em Londres, onde ela acredita estar as pessoas que irão ajudá-la a encontrar seu irmão. A partir daí, a história começa a ficar muito interessante.


Bem-vindo ao mundo dos Downworlders (mistura de humanos e demônios). Nele iremos conhecer Vampiros, lobisomens, feiticeiros e fadas. Eles podem ser criaturas más, ou não (desde que você saiba em quem confiar).


Desafio vocês a lerem este livro sem se apaixonar pelo Will ou por seu melhor amigo, James (Jem). É impossível não nutrir um amor platônico pelos dois! Gostei até mesmo da protagonista, embora ela seja um pouco indecisa às vezes...
Esse é daqueles livros que possuem MUITAS cenas de ação e suspense, e acho que isso o torna ainda mais irresistível. Li as 496 páginas em uma semana, e quando terminei, fiquei com uma certa raiva da Cassandra Clare por não ter lançado a continuação ainda!


Quando Tessa Gray, uma garota de dezesseis anos, cruza o oceano em busca de seu irmão, seu destino é a Inglaterra. Estamos nos tempos da Rainha Victoria, e algo aterrorizante espera Tessa no Submundo de Londres, onde vampiros, magos e outras criaturas sobrenaturais vigiam as ruas com iluminação a gás. Apenas os Caçadores de Sombras, guerreiros dedicados a livrar o mundo de demônios, mantêm a ordem no meio do caos. Raptada pelas misteriosas Irmãs Sombrias, membros de uma organização chamada A Boate Pandemônio, Tessa logo aprende que ela mesma é uma Downworlder com uma rara habilidade: o poder de transformar-se, ao seu querer, em outra pessoa. E mais, o Magistrado, a figura sombria que comanda a Boate, não medirá forças para conseguir que o poder de Tessa seja seu. Sem amigos, e sendo caçada, Tessa toma refúgio com os Caçadores de Sombras do Instituto de Londres, que juram que a ajudarão a encontrar seu irmão, se ela usar seu poder para ajudá-los. Ela logo se encontra fascinada por - e dividida entre - dois melhores amigos: James, cuja beleza frágil esconde um segredo mortal, e Will, o garoto de olhos azuis cuja sagacidade e humor volátil mantêm todos em sua vida à distância... Todos, isto é, menos Tessa. Quando sua busca os leva ao coração de uma trama misteriosa, que ameaça destruir os Caçadores de Sombras, Tessa percebe que pode precisar escolher entre salvar seu irmão e ajudar seus novos amigos a salvar o mundo... E que o amor pode ser a magia mais perigosa de todas.

Pelo amor de Deus, leiam esse livro! Vocês não irão se arrepender NUNCA. Na verdade, eu tenho certeza que ele vai entrar para a lista dos favoritos de muita gente (assim como aconteceu comigo) *--*
Embora o segundo livro ainda não tenha lançado lá nos EUA, a capa já foi divulgada, e eu faço questão de mostrá-la aqui:


Espero que tenham curtido a dica! ^^

Abraços,

Read more...
7

[Notícia] Hábito da leitura cresce entre crianças e jovens brasileiros

quinta-feira, 16 de junho de 2011

A criança e o adolescente brasileiros estão lendo mais. Esse foi o diagnóstico traçado hoje (8) no 2º Encontro Nacional do Varejo do Livro Infantil e Juvenil, realizado dentro do 13ª Salão Nacional do Livro Infantil e Juvenil, no Rio de Janeiro.


  De acordo com pesquisa divulgada pela Câmara Brasileira do Livro (CBL), do total de 12 mil títulos novos lançados no país em 2010, cerca de 2,5 mil foram direcionados a crianças e adolescentes. “A própria produção é uma comprovação de que as nossas crianças e jovens estão lendo mais”, afirmou à Agência Brasil a diretora da Fundação Nacional do Livro Infantil e Juvenil (FNLIJ), Ísis Valéria Gomes.

O presidente da Associação Nacional de Livrarias (ANL), Ednilson Xavier, disse que a parte destinada à literatura infantojuvenil já representa cerca de 15% do faturamento das lojas. Levantamento feito em 455 livrarias de todo país mostra que as vendas do setor cresceram 9,6% em 2010 em relação ao ano anterior, refletindo a expansão da economia nacional. Ele ressaltou que a área infantojuvenil lidera o ranking em termos de crescimento de vendas no ano passado.

Para Xavier, a tendência é que o hábito da leitura do público infantojuvenil seja crescente. “Não tenha dúvida. Há, nesse aspecto, a constatação do mercado editorial de que os livros nessa área, a cada ano, se tornam mais atrativos”. A ANL está elaborando pesquisa sobre o livro no orçamento familiar, que será divulgada em agosto, durante a 21ª Convenção Nacional das Livrarias.

Na opinião de Ísis Valéria Gomes, o hábito da leitura é fundamental não só para ampliar o conhecimento mas, inclusive, para a formação da cidadania. “A criança que começa a ler desde pequena segue lendo depois. Não existe postura cidadã sem que você seja um leitor”.

Segundo ela, a criança e o jovem brasileiros são penalizados em função do analfabetismo funcional, que exclui as pessoas do conhecimento. “Mas, entre as crianças que leem, a leitura vem aumentando muito. E o consumo [de livros] também, inclusive entre os adolescentes”.

Durante o encontro, foi apresentada a experiência da primeira livraria virtual para livros digitais no país, a Gato Sabido, cuja média é de dez mil a 15 mil acessos diários para consultas. A diretora da FLNIJ observou que o governo federal já desonerou impostos sobre os livros eletrônicos (e-book). Avaliou, porém, que para que o livro digital chegue às camadas da população de menor poder aquisitivo são necessárias novas ações, uma vez que esses livros são ainda muito caros, custam cerca de R$ 1,8 mil.

Ela disse, também, que é preciso garantir a qualidade dos textos impressos oferecidos ao público infantojuvenil. “Isso é alguma coisa que precisa ser vigiada, do ponto de vista de se oferecer coisa boa aos adolescentes e às crianças”. A experiência da Fundação German Sanchez Ruiperez, de Salamanca, na Espanha, foi apresentada durante o encontro nacional de livreiros. A instituição aposta na alfabetização digital para crianças a partir de cinco anos de idade, onde os menores convivem com o aprendizado simultâneo no computador e no livro impresso.

O 13º Salão Nacional do Livro Infantil e Juvenil é promovido pela FNLIJ e vai até o dia 17 deste mês.
Fonte: http://agenciabrasil.ebc.com.br/noticia/2011-06-08/habito-da-leitura-cresce-entre-criancas-e-jovens-brasileiros

Read more...
5

A Fada - Carolina Munhóz

terça-feira, 14 de junho de 2011

Olá!


Vocês devem ter percebido que o blog anda sem muitas postagens (principalmente resenhas). Desculpem por isso!! :(
É que nós andamos muito ocupadas com a escola, esse mês está transbordando de testes! Mal tenho tempo de ligar o computador (só faço isso depois do almoço e mais de tarde, quando já terminei de estudar). Eu já tinha dito isso antes, mas vou dizer de novo: não esperem muitas resenhas esse mês, porque dificilmente eu vou poder postar.


Aproveitando o meu tempo extra hoje, decidi postar essa resenha do livro "A Fada", que eu terminei de ler na sexta-feira. A propósito, passei esse na frente de todos os livros da minha humilde fila de leitura, porque eu estava muitíssimo curiosa para conhecer essa história! ^^


E realmente não me arrependo de ter dado prioridade a esse livro. Se eu fosse resumir minha opinião sobre ele em apenas uma palavra, eu diria fofo! Ele é muito original também, e é cheio de personagens com personalidades fortes e únicas (um ótimo exemplo é a protagonista, Mel). A trama envolve um mundo cheio de magia, com direito a bruxas, fadas, anjos, e várias outras criaturas do gênero. Para quem é fã deste tipo de história, esse livro é muito recomendado.


O que eu achei que faltou no desenvolvimento do livro foram mais informações sobre o mundo mágico que foi criado pela Carolina. Alguns acontecimentos deixam a impressão no leitor de que ocorreram sem um motivo aparente. Faltaram essas explicações, e também alguns detalhes em relação aos sentimentos das personagens, ao cenário, etc. 
O livro também tem sua parte filosófica, e deixa várias mensagens para nós leitores! Na minha opinião, o estilo da leitura é mais voltado para um tipo de romance infantil, e a linguagem é super fácil. Como o livro possui ao todo 140 páginas, da para ler com um dia, sem problemas! Só não foi o meu caso porque comecei lendo ele de noite, antes de dormir, de modo que só consegui terminá-lo no dia seguinte.


Não sei se vocês acompanharam o post da caixa de correio #7, onde eu cheguei a comentar que o livro é em capa dura! Eu sei que isso é só um detalhe, mas me deixou encantada com a qualidade da edição (principalmente das folhas). E o livro também é cheio de ilustrações, uma no início de cada capítulo, para ser mais exata. Conheçam a sinopse:


Melanie Aine das Fadas é uma jovem que tem um destino muito diferente e especial. O cenário é a incrível e mística Londres, Inglaterra, e tudo começa quando Mel completa 18 anos. Nesse momento seu querido pai falece e ela acaba descobrindo que na verdade não é um ser humano. Sendo princesa de outra dimensão, Mel tem que começar a lidar com várias situações inusitadas: Como o afastamento de sua mãe, a descoberta do passado de sua família, as adaptações que tem que fazer por não ser humana e a difícil jornada que foi designada a enfrentar.

O final é totalmente inesperado, e eu achei muito, muito fofo! Eu andei pesquisando por aí, e me parece que o livro terá uma continuação. Ainda não foi comentado nada sobre essa possibilidade no site da autora, mas espero que seja verdade :)

Deixo aqui meus agradecimentos à Carol pela atenção que ela nos deu, e por ter mandando também alguns cartões do livro para sortearmos aqui no blog! Em breve farei um sorteio via twitter para vocês, fiquem de olho! \o/

Read more...
6

Dia dos Namorados

sábado, 11 de junho de 2011

Boa tarde! <3


Amanhã é um dia super especial para todos os pombinhos! Comprar presentes, planejar um passeio, uma viagem... enfim! Tudo tem que sair perfeito, não é mesmo?
Mas... e para os solteiros? É especialmente para eles que eu vim fazer esse post hoje. Assim como eu fiz algumas indicações na "Sexta-feira 13" de livros de terror, hoje vou recomendar a vocês algumas obras de romance para ler e curtir no dia dos namorados... mesmo sem ter um parceiro para passar o dia! ^^


Espero que gostem das dicas! Alguns deles eu já li, outros estão em minha lista de desejos (os que estiverem com a sinopse em inglês é porque não tem tradução) ~


Dexter Mayhew e Emma Morley se conheceram em 1988. Ambos sabem que no dia seguinte, após a formatura na universidade, deverão trilhar caminhos diferentes. Mas, depois de apenas um dia juntos, não conseguem parar de pensar um no outro. Os anos se passam e Dex e Em levam vidas isoladas - vidas muito diferentes daquelas que eles sonhavam ter. Porém, incapazes de esquecer o sentimento muito especial que os arrebatou naquela primeira noite, surge uma extraordinária relação entre os dois. Ao longo dos vinte anos seguintes, flashes do relacionamento deles são narrados, um por ano, todos no mesmo dia: 15 de julho. Dexter e Emma enfrentam disputas e brigas, esperanças e oportunidades perdidas, risos e lágrimas. E, conforme o verdadeiro significado desse dia crucial é desvendado, eles precisam acertar contas com a essência do amor e da própria vida.




"Memórias de uma Gueixa" é um romance fascinante, para ser lido de várias maneiras: como um mergulho na tradicional cultura japonesa, ou um romance sobre a sexualidade, e ainda, como uma descrição minuciosa da alma de uma mulher já apresentada por um homem. Seu relato tem início numa vila pobre de pescadores, em 1929, onde a menina de nove anos é tirada de casa e vendida como escrava. Pouco a pouco, vamos acompanhar sua transformação pelas artes da dança e da música, do vestuário e da maquilagem; e a educação para detalhes como a maneira de servir saquê revelando apenas um ponto do lado interno do pulso - armas e mais armas para as batalhas pela atenção dos homens. Mas a Segunda Guerra Mundial força o fechamento das casas de gueixas e Sayuri vê-se forçada a se reinventar em outros termos, em outras paisagens.


Lisa Edwards, a durona e sofisticada editora de revistas, acha que sua vida acabou, quando descobre que seu novo emprego "fabuloso" não passa de uma ordem de deportação para a Irlanda, com a missão de lançar a revista Garota. Ashling Kennedy, a editora assistente da Garota, também tem seus problemas. É a Rainha da Ansiedade, e não é de hoje que sente que algo não está cem por cento na sua vida. E não só porque o que lhe sobra são bolsas, falta em cintura e namorado - mas porque, no fundo, no fundo, falta algo mais, como aquele pontinho minúsculo que fica na tela quando a gente desliga a TV à noite. Conhecida como "Princesa", a vida sempre deu a Clodagh tudo que queria (e por que haveria de ser diferente, quando se é a garota mais bonita da turma?). Ao lado de seu príncipe e dois filhinhos encantadores, ela vive um conto de fadas doméstico em seu castelo. Mas então, por que será que nos últimos tempos anda sentindo vontade - e não pela primeira vez - de beijar um sapo? (Abrindo o jogo: de dormir com um sapo). Mais um sucesso de Marian Keyes, que vem divertindo milhares de leitores no mundo todo.


Michael tem somente 15 anos quando conhece Hanna, uma mulher 21 anos mais velha. É o início de uma delicada relação amorosa, marcada por pequenos gestos e rituais. A leitura de clássicos de Tolstói, Dickens e Goethe precede os encontros. Ao longo de meses, o casal repete essas cerimônias, interrompidas pelo súbito desaparecimento de Hanna. Sete anos depois, Michael, estudante de direito, é convidado a tomar parte em um julgamento contra criminosos do regime nazista. Ele descobre que uma das acusadas é sua antiga amante, o que o lança a um vórtice de culpa e piedade.


Durante um baile, Lady Caroline Linford abre a porta de um dos cômodos e flagra seu noivo, o marquês de Winchilsea, nos braços de outra mulher. Para a sociedade vitoriana do século XIX, tais escapulidas masculinas eram normais, e cancelar o casamento seria impensável. O jeito, decide a jovem, é aprender a ser, ao mesmo tempo, a esposa e a amante, para que o marquês nunca mais tenha de procurar outra mulher fora do lar. Por isso, resolve tomar lições - teóricas, claro - sobre a arte do amor com o melhor dos professores: Braden Granville, o mais notório libertino de Londres. Logo nas primeiras aulas começam a voar faíscas e as barreiras entre professor e aluna caem. Escrito por Meg Cabot, sob seu pseudônimo, esse romance vai mostrar que o amor escolhe seus próprios caminhos, sempre imprevisíveis.


Lucia tem uma vida monótona e previsível até vencer o concurso mais cobiçado do momento.
Não apenas ganha uma viagem para Londres, como também um jantar com o ator inglês Richard Clevehouse.
O que era sorte, entretanto, muda de cor. Richard, o belo ator de olhar sombrio, guarda um segredo: a vida de Lucia corre perigo. E ele fará de tudo para protegê-la, mesmo que, em troca, tenha de sofrer muito mais do que espera.
Das certezas, apenas uma:
Não há para onde fugir!



Quando chega o inverno, Grace é atraída pela presença familiar dos lobos que vivem no bosque atrás de sua casa. Ela espera ansiosamente pelo frio desde que fitou pela primeira vez os profundos olhos amarelos de um dos lobos e sobreviveu ao ataque de uma alcatéia. Esses mesmos olhos brilhantes ela encontraria mais tarde em Sam, um rapaz que cresceu vivendo duas vidas: uma normal, sob o sol, e outra no inverno, quando vestia a pele do animal feroz que, certa vez, encontrou aquela garota sem medo.
Tudo o que Sam deseja é que Grace o reconheça em sua forma humana, e para isso bastaria que trocassem um único olhar. Mas o tempo de Sam está acabando. Ele não sabe até quando manterá a dupla aparência e quando se tornará um lobo para sempre. Enquanto buscam uma maneira para torná-lo humano para sempre, têm de enfrentar a incompreensão da cidade, que vê nos lobos um perigo a ser combatido.



Jenna não quer trair os amigos e não revelará o que se esconde por trás de sua expulsão do colégio, assumindo toda a culpa sozinha. Como castigo sua mãe a levou para passar algum tempo com uma tia numa tediosa cidadezinha do interior. É lá que Jenna encontra Gabe, um rapaz autêntico, melancólico e reservado. Completamente diferente de todas as outras pessoas ela conhece. É inevitável: Jenna se apaixona por ele. Será que Gabe é sua alma gêmea? Ele mostra a Jenna a beleza de um céu noturno sem nuvens, escuro, um contraste perfeito para o brilho das estrelas. E, em meio a livros, música, poesia e noites estreladas, o sentimento entre eles se torna cada vez mais forte. Mas Cleo, uma garota antipática que tem uma ligação muito estranha com Gabe, não está gostando nada desse romance. Afinal, ela não quer que ninguém mais saiba o grande segredo de Gabe...


Seventeen-year-old Amy joins her parents as frozen cargo aboard the vast spaceship Godspeed and expects to awaken on a new planet, three hundred years in the future. Never could she have known that her frozen slumber would come to an end fifty years too soon and that she would be thrust into the brave new world of a spaceship that lives by its own rules. Amy quickly realizes that her awakening was no mere computer malfunction. Someone-one of the few thousand inhabitants of the spaceship-tried to kill her. And if Amy doesn't do something soon, her parents will be next. Now Amy must race to unlock Godspeed's hidden secrets. But out of her list of murder suspects, there's only one who matters: Elder, the future leader of the ship and the love she could never have seen coming.


Clea Raymond sentiu o brilho dos holofotes a vida inteira. Ela é filha de um renomado cirurgião e um proeminente político de Washington DC. Cresceu e se tornou uma talentosa fotógrafa para jornais que se refugia em uma carreira que lhe permite viajar para as regiões mais exóticas do mundo. Mas depois que o pai de Clea desaparece durante uma missão humanitária, imagens estranhas e sombrias de um homem bonito começam a aparecer em suas fotos — um homem que Clea nunca havia visto antes. Quando o destino leva Clea e este homem, ela fica atordoada com a ligação imediata e poderosa entre ambos. Conforme mais se aproximam, mais são empurrados para dentro do mistério por trás do desaparecimento do pai de Clea, e acabam descobrindo a verdade guardada a séculos sobre a sua ligação intensa. Envaredados em um triângulo amoroso perigoso e assombrado por um segredo poderoso que detém os seus destinos, juntos, eles correm contra o tempo para desvendar seus passados, a fim de salvar suas vidas — e seus futuros.


Tudo o que Meg sempre quis foi fugir. Fugir do colégio. Fugir da sua pacata cidade. Fugir de seus pais, que pareciam determinados a mantê-la presa em uma vida sem futuro. Mas, em uma noite louca envolvendo trilhos de ferrovia proibidos e desafiadores, ela vai longe demais... e quase não consegue voltar. John escolheu ficar. Para impor o cumprimento das leis. Para servir e proteger. Ele desdenha a rebeldia infantil e quer ensinar a Meg uma lição que ela não esquecerá tão cedo. Mas Meg o leva ao limite ao questionar tudo o que ele aprendeu na academia de polícia. E quando ele a pressiona para saber por que ela não se prende a nada, a resposta os levará a um caminho sem volta...


Nothing has been the same since Caleb Becker left a party drunk, got behind the wheel, and hit Maggie Armstrong. Even after months of painful physical therapy, Maggie walks with a limp. Her social life is nil and a scholarship to study abroad—her chance to escape everyone and their pitying stares—has been canceled.
After a year in juvenile jail, Caleb’s free . . . if freedom means endless nagging from a transition coach and the prying eyes of the entire town. Coming home should feel good, but his family and ex-girlfriend seem like strangers.
Caleb and Maggie are outsiders, pigeon-holed as "criminal" and "freak." Then the truth emerges about what really happened the night of the accident and, once again, everything changes. It’s a bleak and tortuous journey for Caleb and Maggie, yet they end up finding comfort and strength from a surprising source: each other.



Lucy Brown está prestes a se casar com o homem dos seus sonhos. Contudo, na véspera da cerimônia, ela sofre um acidente fatal. Agora ela terá que escolher: aceitar uma vida inteira longe de sua alma gêmea e ir para o céu, ou ficar com seu amor, sob a forma de fantasma. Vencedora de diversos prêmios, esse é o romance de estreia de Cally Taylor.






Espero que tenham gostado das dicas! Feliz dia dos namorados para os casais *-*

Read more...
6

Nova Parceria!

quinta-feira, 9 de junho de 2011

Oii, gente! *-*


Decidi vir super correndo aqui pra mostrar pra vocês a mais nova parceria que firmamos hoje! E desta vez é com o ilustríssimo autor Nanuka Andrade :D
Aliás, deixo aqui meus agradecimentos ao Nanuka por aceitar a parceria! ^^


Para quem não conhece seu livro, "Camundo - o desenho e a sombra", aqui vai a sinopse e a capa do mesmo:


A vida nos últimos dias da Velha República podia ser feita de asilos destelhados, comida escassa e escravidão em sapatarias clandestinas. Pelo menos era assim a vida do pequeno Camundo, um menino de doze anos, que era capaz de mudar o futuro através de misteriosos desenhos que fazia. O que Camundo não sabia era que outros como ele, amantes da pictomancia, há muito já prediziam o futuro, e que uma sociedade secreta, conhecida por Asseclas do Lagarto, viam neste Dom parte de um plano vil. Bolas de madeira, mitos de uma Terra Oca e criaturas que têm medo do sol são apenas alguns dos estranhos mistérios que Camundo terá de desvendar.

 E agora vem a boa notícia pra quem ficou curioso: A Editora Underworld vai lançar o livro na bienal  do Rio de Janeiro (ou seja, em setembro deste ano)! Fiquei super feliz quando fiquei sabendo.
E, para deixar vocês mais curiosos ainda, vou divulgar aqui o booktrailer do livro:



Recomendo a todos a leitura do primeiro capítulo, que está disponível no blog do autor (clique aqui).
Para quem quiser adicionar o livro no Skoob, aqui está o link: http://www.skoob.com.br/livro/110989-camundo-o-desenho-e-a-sombra


Espero que todos tenham ficado tão curiosos como eu! :)


Abraços,


Read more...
5

Beastly - Alex Flinn

terça-feira, 7 de junho de 2011

Nossa, a quanto tempo eu não apareço por aqui hein? Desculpem pelo sumiço, mas eu estou sendo um mau exemplo e não ando lendo muito ultimamente. Bem, eu ando lendo, mas todos os livros lidos já têm resenha aqui no blog. Então estava procurando alguma coisa que eu já li e que as meninas ainda não leram. E tenho que dizer que é um pouquinho difícil de achar, mas enfim encontrei. Vou tentar aparecer mais por aqui. =)

O livro “Beastly” escrito por Alex Flinn é uma adaptação de um clássico “A Bela e a Fera”. Mas o que torna o livro interessante? A história se passa nos dias atuais (nada que fuja da nossa realidade), em Manhattan e é narrada no ponto de vista da fera, o que torna as coisas mais interessantes.

O livro conta a história de Kyle Kingsbury, um adolescente mimado, rico e que pensa que é melhor que todos os outros, porém ao mexer com a pessoa errada, Kendra, é transformado em uma criatura no mínimo monstruosa por uma bruxa. E para desfazer o feitiço, não muito diferente do conto original, Kyle precisa se apaixonar e o sentimento deve ser recíproco, para que então ele receba um beijo de seu amor verdadeiro e volte ao normal.

Eu disse a mim mesma que eu não ia falar isso, mas é a melhor adaptação que eu já li na vida. Na realidade achei o livro "estranho" a princípio, mas a medida que você vai tomando conhecimento dos fatos você começa a ler e não para mais. A autora não perdeu a essência da história ao transferi-la para os dias atuais, muito pelo contrário, acho que ficou melhor.

Quem não quiser spoilers recomendo não ler o resto do post. Haha’

A transformação de Kyle é um grande impacto, tanto para ele quanto para o leitor. Ele se isola da humanidade, e até tenta encontrar o verdadeiro amor por um myspace, já que pensa que ninguém irá se apaixonar por ele por causa da aparência. Um dos acontecimentos que eu achei mais legal foi que para se sentir menos estranho ele entra em uma sala de bate papo onde pessoas contam seus problemas causados por maldições.

Sua companhia por um longo tempo é um professor cego contratado por seu pai. E eu realmente adoro esse professor, cujo nome é Will. É aquele tipo de homem bondoso que aceita a diferença de todos. E depois a Lindy entra na história para balançar com o coração do Kyle, na realidade ela já aparecia antes e ele a desprezou, então isso que eu acho realmente interessante, porque ela se apaixona por ele sem saber que é ele, entendem? E o final... Bem leiam o livro e descubram, não vou acabar com a felicidade dos que querem ler. =)

E a mensagem que o livro trás não podia ser mais clichê, a beleza não está no exterior, mas sim no interior da pessoa. Mas não deixa de ser bom. Recomendo a todos. 

E vou confessar que eu li o livro só porque soube que a Vanessa Hudgens iria interpretar a Lindy (amor verdadeiro do Kyle). Mas não me arrependi. Ainda não vi o filme, porque não lançou no Brasil, por alguns problemas com distribuidoras e tudo mais. Mas espero que eu possa ver e se for tão bom quanto o livro... Eu definitivamente terei que ver esse filme. E por causa do Alex Pettyfer eu quero assistir "Eu Sou o Número 4" disseram que o filme é bom e o livro é muito bom.

Beijos e Abraços. *-*

Read more...
10

Selo de Qualidade

domingo, 5 de junho de 2011

Oi cambada!


Adivinhem só *-* Depois de um tempão sem receber selinhos, a Melissa e o Marcos do blog Espaço Editorial e também a Amanda do blog Confissões Femininas nos indicaram para um selo MARAVILHOSO! Muito obrigada mesmo! ^^


Selo de Qualidade



Regras:

- Repassar o selo para 15 pessoas e avisá-las (eu vou indicar apenas 10 blogs);

- Responder as perguntas:

  • Nome: Haha, segrediinho (nem é tão segredo assim porque muitas pessoas já sabem, mas vou continuar sem colocar meu nome aqui no blog, afinal, somos anônimas) :P


  • Uma Música: Mr. Right - A Rocket to the Moon (descobri essa música ontem, mas já estou viciada) *-*

  • 10 coisas sobre mim:
- Sou uma verdadeira felícia perto de animais.
- Não gosto muito de chocolate.
- Gosto de músicas clássicas.
- Pareço legal mais já mati uma formiga (kkk)
- Odeio o Brasil (pronto, falei) u.u
- Fico com raiva fácil.
- Não bebo refrigerante.
- Meu sonho é ter uma casa cheia de cachorros, hamsters e livros.
- No geral, sou uma pessoa anti-social.
- Sou considerada perfeccionista.


  • Humor: Depende do dia e da situação (se estiver em época de provas, por exemplo, fico insuportável) xD

  • Uma cor: Azul (todos os tons) *-*

  • Como prefere viajar: De carro (ou avião, se for possível).

  • Um seriado: Supernatural \o/

  • Frase ou palavra mais dita por você: Ahhn... acho que não tem D:

  • O que achou do selo: Gostei muito, adoro receber selinhos com perguntas! *----*
Obrigada novamente pela indicação! E espero que tenham gostado ;)

Abraços

Read more...
4

[Série] Blue Bloods - Melissa de La Cruz

sábado, 4 de junho de 2011

Boa Tarde!! <3


Estou aproveitando o final de semana para postar as resenhas atrasadas porque esse mês vai ser meio tenso de postar. Acho que se eu conseguir postar mais três resenhas até Julho já  é muito... Queria pedir desculpas de uma vez pra vocês, mas é tudo culpa dos professores que estão marcando os testes tão em cima da hora :(


Enfim, vamos falar de "Blue Bloods". Essa série eu comprei quando estava fora do Brasil (em Dezembro do ano passado), mas sem saber absolutamente nada da sinopse. Encontrei ele em uma livraria aleatória, e o preço estava ótimo. Como eu já tinha ouvido muitas críticas boas do primeiro livro, decidi comprar o box com os três primeiros volumes (vide caixa de correio #2). Como eu comprei mais um moonte de coisa no mesmo mês, o livro foi ficando na fila de leitura até que chegasse a vez de lê-lo (o que demorou uns 3 meses). Mas quando fui pegar ele pra ler, eu já não aguentava mais vampiros, e me arrependi seriamente de ter comprado os três primeiros volumes de uma só vez.


Para a minha surpresa, quando iniciei a leitura do livro, não consegui mais parar. É totalmente diferente do que eu esperava. Nunca esperei encontrar um romance com vampiros tão único assim. Nem tenho como explicar para vocês, porque é muuito diferente dos livros que temos atualmente sobre o assunto. O cenário da história é em meio a uma escola privada de Nova York onde apenas alunos vindos de famílias ricas estudam. Já deu pra imaginar então que a maioria dos personagens terão aquele típico ar de "riquinhos" e metidos a besta. Mas, por incrível que pareça, essa situação tornou o livro até mais divertido (e curioso) em algumas ocasiões, porque ele é narrado não só sob a perspectiva da protagonista, mas também da de personagens secundários.


Até a metade do livro a autora não chega a mencionar os vampiros. Mas, claro, até este ponto você já tem uma noção básica do que está realmente acontecendo na história, e já até desconfia de quem são os vampiros. A partir da metade do livro, a trama toma um outro rumo, visto que é revelado à protagonista que ela faz parte de uma espécie de clã chamado "Blue Bloods", onde todos são vampiros e fazem parte de uma mesma família. Tudo muda muito rápido, mas a autora não teve nenhum problema nessa "transição" inesperada. O que ela conseguiu foi deixar o livro mais interessante ainda.


Embora eu tenha lido o livro em inglês, consegui entender tudo, porque a leitura é bem fácil e flui de forma bem rápida. Os personagens são bem únicos, e não tem como você não se identificar com algum (ou alguns) deles.


Schuyler Van Alen nunca se encaixou em Duchesne, sua prestigiosa escola privada de New York City. Prefere roupas largas que as novidades da Prada e as pérolas usadas pelos seus colegas. Mas quando fez quinze anos, a vida de Schuyler mudou dramaticamente. A morte de um popular colega de escola assombra-a de uma maneira inesperada. E mais estranho de tudo, Jack Force, o rapaz mais popular na escola, está mostrando um interesse repentino nela. Uma vez uma exilada, Schuyler é empurrada para o mais poderoso círculo social exclusivo de Manhattan. Seu membro é o poderoso, o rico e, - como Schuyler brevemente descobre - não-humano. São os Sangue Azul, um grupo antigo de vampiros, e por séculos foram invenciveis. Agora algo está a atacar este grupo de elite, e Schuyler quer encontrar a verdade. Mas é ela a mais vulnerável deles todos?


Mesmo após a conclusão da leitura deste primeiro volume, ficaram alguns pontos em aberto. Estou curiosíssima para ler a continuação da série e descobrir o que irá acontecer na vida de Schuyler agora que ela sabe que é uma vampira e está sozinha para decidir o que fazer de sua vida.


Recomendo aos interessados que tentem ler o livro em inglês. Eu sei que a série está sendo lançada aqui no Brasil pela editora ID, mas a tradução deixa a leitura um pouco lenta e maçante (além disso, sai muito mais barato comprar a série em inglês). Conselho de amiga :)


Abraços (e até o dia que eu puder postar novamente) o/


Read more...
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

"Dar menos que o seu melhor é sacrificar o dom que você recebeu."

Steve Prefontaine

Posts Recentes

Divulgue

http://leitorasanonimas.blogspot.com/

Clique aqui para ver mais tamanhos...

Assinar Feed

Digite seu e-mail:

Delivered by FeedBurner

  © LEITORAS ANÔNIMAS

- Todos os Direitos Reservados -