7

[Notícia] Internet lenta e tablet caro travam crescimento do livro digital no país

quinta-feira, 8 de setembro de 2011

A má qualidade da internet em banda larga e o alto preço dos computadores portáteis em forma de prancheta (tablets) são os principais problemas que dificultam o acesso dos leitores aos livros digitais (e-books). Essa é a opinião da presidenta da Câmara Brasileira do Livro (CBL), Karine Pansa, que abriu hoje (26) o 2º Congresso Internacional do Livro Digital, promovido pela entidade, em São Paulo.

No encontro, que termina amanhã, representantes do mercado editorial discutem maneiras de estimular o acesso aos livros digitais no Brasil e no mundo. Segundo Pansa, vários desafios ainda terão de ser vencidos para que a produção, distribuição e venda dos livros digitais no país cresçam. Mas antes que as editoras e os leitores abracem os livros em formato digital, as conexões de internet precisam tornar-se mais rápidas e eficientes. “Se eu não tenho internet adequada, não consigo fazer com que o consumidor obtenha um livro de maneira fácil e fique satisfeito”.

Sobre os tablets, ela acredita que a redução dos preços é uma questão de tempo, pois a produção desse tipo de computador só tende a crescer no Brasil. Ainda mais agora, que o governo decidiu desonerar a produção doméstica de tablets justamente para forçar a queda dos preços do produto nacional.

De acordo com uma pesquisa da Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe), feita a pedido da CBL, foram lançados 52 mil livros convencionais e vendidos 386 mil exemplares em 2009. No mesmo ano, o número de livros lançados ou vendidos em formato digital foi tão pequeno que nem constou do levantamento.

Na Europa e nos Estados Unidos, entretanto, o formato digital já é o preferido de muitos leitores. Dominique Raccah, presidente da editora norte-americana Sourcebooks, disse que 35% das vendas da empresa em junho deste ano foram de livros digitais.

Bob Stein, diretor do Instituto para o Futuro do Livro, dos Estados Unidos, também acredita que o mercado de livros digitais no Brasil vai crescer muito e que as oportunidades já estão surgindo nesse mercado. Karine Pansa disse que as editoras estão cientes dessas oportunidades e querem aproveitar o momento para oferecer aos clientes um serviço que muitos ainda desconhecem.

“O grande benefício do livro digital é a portabilidade. É você ter dentro de um aparelho simples e leve uma quantidade de conteúdo sem fim”, disse ela.



Fonte: http://www.pernambuco.com/ultimas/nota.asp?materia=20110726172803&assunto=194&onde=Economia

7 Comentários:

Mariana Ribeiro 8 de setembro de 2011 14:44  

Olá, meninas!!
Concordo com a matéria, enquanto a nossa conexão banda-larga não passar por uma melhora no país dificilmente as pessoas vão preferir ler no computador. Além disso, s tablets são muito caros mas talvez com o tempo as empresas e o governo possibilitem meios para baratear os custos.
Adorei o post!
Bjos.

Mariana Ribeiro
Confissões Literárias.

Ana Carolina Nonato 8 de setembro de 2011 15:11  

Olá!

Eu concordo PLENAMENTE com a matéria! O preço dos tablets é ABSURDO e a conexão é tão lenta que nem compensa. Melhor continuar com o livro de papel por enquanto...

Abraços!

Ana Carolina Nonato
Seis Milênios

Mônica 9 de setembro de 2011 14:08  

Olá meninas, esta é e minha primeira vez aqui, :)!!!
Bem, quanto aos tabletes, sou fã deles, mas concordo com as nossas dificuldades. Estou esperando o mercado se ajustar para poder curtir a novidade.
Bju

Kel Costa 9 de setembro de 2011 18:16  

Realmente os preços dos tablets são exorbitantes. Eu tive que comprar lá fora, pq pra comprar no Brasil não dava para mim. Fora que às vezes os preços dos próprios e-books às vezes são quase tão caros quanto os livros impressos. Complicado...

Bjs,
Kel
www.itcultura.com

Nana 9 de setembro de 2011 18:25  

Oie Candy!
Nossa adorei a matéria do seu post!
Sobre a banda larga nem comento a minha vive de graça, ontem mesmo...quando ela começa a ficar lenta o computador mostra a caixinha de conectar kkkk

Não penso em comprar tablets agora, até pq eu leio no notebook de boa :)

beijos e bom final de semana.
Nana - Obsession Valley

Fábrica dos Convites 10 de setembro de 2011 17:42  

O que a matéria diz é verdade, mas confesso que mesmo lendo e gostando de e-books, amo mesmo um bom e velho livro a moda antiga. Bjs, Rose.

Postar um comentário

Sua opinião é muito importante para nós. Não deixe de comentar! :)

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

"Dar menos que o seu melhor é sacrificar o dom que você recebeu."

Steve Prefontaine

Posts Recentes

Divulgue

http://leitorasanonimas.blogspot.com/

Clique aqui para ver mais tamanhos...

Assinar Feed

Digite seu e-mail:

Delivered by FeedBurner

  © LEITORAS ANÔNIMAS

- Todos os Direitos Reservados -