8

O Diário de Suzana para Nicolas - James Patterson

quinta-feira, 15 de dezembro de 2011

Boa tarde!


Nada melhor do que entrar de férias e ficar vegetando o dia inteiro sem nada para se preocupar, concordam? \o/ Ainda mais agora que o natal está tão perto, tem também a preocupação de acertar na escolha dos presentes, jogar indiretas para os pais a respeito do que você quer ganhar e etc... simplesmente adoro! ^^
Outra coisa que eu amo fazer nas férias é devorar alguns livros em um único dia. Não tem nada melhor do que mergulhar nas páginas de um bom romance e passar horas viajando com os personagens e sentindo que você faz parte daquela história. E é por esse motivo que hoje eu vim aqui com o objetivo de recomendar a vocês um super lançamento da editora Arqueiro: "O Diário de Suzana para Nicolas", do autor James Patterson!


Eu nunca havia lido nada desse autor antes, mas eu estaria mentindo se dissesse que nunca tive vontade. Depois que eu dei o livro "Witch & Wizard" de presente para a Evil Watermelon e li a resenha dela sobre ele, passei a nutrir uma certa curiosidade pela narrativa do James, e essa curiosidade aumentou ainda mais quando li a resenha da Sweet Blackberry a respeito do livro "4 de Julho".
Por isso, eu quase surtei quando recebi o kit do livro de cortesia pela editora Arqueiro! Fiquei extremamente feliz em finalmente ter a oportunidade de conhecer a escrita desse autor tão comentado.
Mas infelizmente, "O Diário de Suzana para Nicolas" não me surpreendeu tanto como eu estava esperando... mas isso não quer dizer que eu não gostei do livro! Muito pelo contrário, achei a história super original e bem bolada, mas a narrativa do autor pareceu muito "normal" para mim. Eu estava esperando por algo mais característico, entendem?


Sem fazer esforços, consegui ler esse livro em um único dia. Em poucas horas, aliás. Não só porque ele é curtinho, mas também porque a narrativa do James Patterson prende bastante o leitor!
Por ser já tão experiente na área da literatura, o autor sabe quando deve apelar para as cenas mais romanticas, sabe quando deve dar enfoque para o drama, e até mesmo para o humor. Esse aspecto por si só já me garantiu dar duas estrelinhas para o livro. As outras duas foram pela história encantadora e pela capacidade que as palavras do autor têm de nos fazer experimentar os mais diversos sentimentos durante a leitura. Quatro de cinco, não está nada mal!
Nas outras resenhas que li desse livro, todo mundo estava dizendo que chorou muito no final, e por isso eu ainda tinha uma esperança de que o livro fosse conseguir me emocionar também. Mas não conseguiu! E isso é sinal de uma coisa: a narrativa do James Patterson, por mais impecável que seja, não conseguiu me convencer. Assim como acontece nos romances do Nicholas Sparks (que na maioria das vezes têm muito drama) simplesmente não consegui me emocionar, embora eu tenha ficado bem triste no final. Se querem saber a verdade, até hoje o único livro que me fez chorar (e muito) foi "Marley & Eu" :3


Falando sobre a história e os personagens em si, nesse sentido eu acho que não tenho do que reclamar. Sabe quando você começa um livro nutrindo certos sentimentos por algum personagem e, no final, já mudou totalmente de opinião? Isso aconteceu comigo! No início eu morria de raiva do Matt, por ter sido tão insensível ao terminar com a Katie, mas no final eu finalmente compreendi os motivos dele. Tudo depende de como você vê a situação.
Essa é uma leitura que vale a pena, pois nos deixa com o coração mole, além de ensinar uma porção de lições a respeito do amor. Se querem saber a minha sincera opinião, acho que nunca é tarde demais para ser feliz ;)

Depois de quase um ano juntos, o poeta Matt Harrison acaba de romper com Katie Wilkinson. A jovem editora, que não tinha qualquer dúvida quanto ao amor que os unia, não consegue entender como um relacionamento tão perfeito pôde acabar tão de repente. Mas tudo está prestes a ser explicado. No dia seguinte ao rompimento, Katie encontra um pacote deixado por Matt na porta de sua casa. Dentro dele, um pequeno volume encadernado traz na capa cinco palavras, escritas com uma caligrafia que ela não reconhece: “Diário de Suzana para Nicolas”. Ao folhear aquelas páginas, Katie logo descobre que Suzana é uma jovem médica que, depois de sofrer um infarto, decidiu deixar para trás a correria de Boston e se mudar para um chalé na pacata ilha de Martha’s Vineyard. Foi lá que conheceu Matt. E lá nasceu o filho deles, Nicolas. Por que Matt teria lhe deixado aquele diário? Agora, confusa e sofrendo pelo fim do relacionamento, é nas palavras de outra mulher que Katie buscará as respostas para sua vida. O diário de Suzana para Nicolas é uma história de amor que se constrói ao virar de cada página. Cada revelação é mais uma nuance sobre seus personagens. Cada descoberta é um fio a mais a ligar vidas que o destino entrelaçou.
Está aí uma ótima sugestão de livro para se ler nas férias. Podem confiar! ^^


Abraços,


8 Comentários:

Caíque Fortunato 15 de dezembro de 2011 08:23  

Gosto muito desse autor, já li o livro O Dia da Caça e gostei muito, pretendo ler esse livro, depois que li essa resenha vi que ele parece ser ótimo!

http://entrepaginasdelivros.blogspot.com/

Lu Piras 15 de dezembro de 2011 11:18  

Gostei demais da sua resenha, Grape. Já tinha lido outras, mas o seu ponto de vista foi o que mais me convenceu a dar uma chance para o livro.

Obrigada!

Beijocas,

Lu (do log Equinócio)

Lu Tazinazzo 15 de dezembro de 2011 13:10  

Adorei sua resenha! Muito detalhista e autêntica. Sei que muita gente se derrete com certos romances, e muita gente me chama de coração gelado porque eu não me destruo em lágrimas, mas acho que se um romance já consegue nos deixar mais leves, com o coração "quentinho" e um leve sorriso no rosto, o autor já cumpriu seu papel.

Beijos

Lu Tazinazzo
http://aceitaumleite.blogspot.com/

Mariana Ribeiro 16 de dezembro de 2011 03:48  

Olá, Grape!!
Adorei a sua resenha!!
Estou louca para ler um romance escrito por James, até porque no gênero policial ele manda super bem e já li dois ótimos livros da Arqueiro. Recomendo O dia da caça e 4 de julho.
Espero ter a oportunidade de conferir este super lançamento.
Bjos.

Mariana Ribeiro
Confissões Literárias.

Alquimia dos Romances 17 de dezembro de 2011 12:54  

OUtro para minha lista. Ja tive oportunidade de ler os romances policiais dele e não me arrependi. Vamos ver esse romance. AInda não enviei as "coisinhas" de vocês porque estou juntando uns marcadores para mandar tambem... kkkkkkkkkkkk


BJS!

@philipsouza 17 de dezembro de 2011 16:13  

Humm gostei da sua avaliação, pretendo ler ele o mais rápido, já que é de parceria.....

De inicio achei ele morno, mas pelas suas palavras...e resenha...

bjos

Philip Rangel
Entrando Numa Fria

Fábrica dos Convites 29 de dezembro de 2011 07:48  

Gosto muito dos livros de JP, e claro que este já está na minha listinha sem fim. Bjs, Rose.

Postar um comentário

Sua opinião é muito importante para nós. Não deixe de comentar! :)

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

"Dar menos que o seu melhor é sacrificar o dom que você recebeu."

Steve Prefontaine

Posts Recentes

Divulgue

http://leitorasanonimas.blogspot.com/

Clique aqui para ver mais tamanhos...

Assinar Feed

Digite seu e-mail:

Delivered by FeedBurner

  © LEITORAS ANÔNIMAS

- Todos os Direitos Reservados -